Sobre nós

A Fraternidade Espírita Allan Kardec é constituída, na espiritualidade, por cento e quarenta e quatro espíritos que desenvolvem onze linhas de trabalho.

Ancorados pela base Kardecista, criaram uma técnica específica de montagem dos trabalhos espirituais, dentro de uma pesquisa constante dos caminhos que a somatização de imagens mentais estabelece no corpo e na vida dos seres humanos encarnados neste ciclo evolutivo na Terra.

Materialmente falando, os Centros Espíritas integrados nessa mesma programação, objetivos e metodologia de trabalho mantêm a sua autonomia e é dado, a cada trabalhador integrado na programação, a oportunidade do auxílio e orientação no projeto de vida e crescimento espiritual.
Materialmente falando, os Centros Espíritas integrados nessa mesma programação, objetivos e metodologia de trabalho mantêm a sua autonomia e é dado, a cada trabalhador integrado na programação, a oportunidade do auxílio e orientação no projeto de vida e crescimento espiritual.

Tendo como linha mestra a Busca Espiritual, dentro do milenar conceito do “Busca a Ti Mesmo”, o Evangelho de Jesus é estudado dentro das experiências dos próprios integrantes da Fraternidade. As cobranças, que nos mundos de prova e expiação são muito ácidas, são pesquisadas no campo do amor a si mesmo e ao próximo, tendo por lema o triângulo da Fraternidade, Igualdade e Caridade.

A incorporação de espíritos, que nos Centros Espíritas do nosso país têm um papel de destaque, muitas vezes incutindo nos supostos médiuns a necessidade de incorporarem para se livrarem das influências e radiações que os envolvem, é abordada pela espiritualidade dentro de outra metodologia, proporcionando a cada participante o estudo e reconhecimento dos sentimentos e comportamentos que levam a este tipo de fenômeno.
Tendo como carro chefe a cura material, que não é o objetivo, mas o meio, busca a Fraternidade o desenvolvimento espiritual. Analisado o carma de cada integrante das Casas Espíritas, oportunidades são dadas no encontro consigo mesmo, demonstrando o processo de somatização que cada um se envolve e que materializa doenças, acidentes, desarmonia familiar e dificuldades financeiras.

Este trabalho, orientado pela espiritualidade através do médium José Pereira, enfatiza a busca de si mesmo, a identificação de traumas, conflitos e comportamentos que impedem o viver plenamente e o desenvolvimento espiritual – são os Portais de Busca Espiritual.

As limpezas energéticas são ensinadas e auxiliadas pela espiritualidade e os temas de estudo e de meditação são gradativamente desenvolvidos, através dos quais o auxílio energético é dado na identificação e superação de conflitos que destroem o corpo e o psiquismo humano.

Todos que procuram o atendimento espiritual chegam pela dor, abraçados com o sofrimento; ninguém chega à procura de socorro do mundo espiritual, energeticamente “limpo” e “equilibrado”. Todos vêm em desequilíbrio espiritual, buscando uma cura.

O tratamento espiritual difere do tratamento médico material porque a manipulação é totalmente fluídica, energética e a assistência é diferente, é um trabalho de modificação, uma mudança de vida energética!

A desmaterialização da dor, a cura passa pela compreensão de que os campos energéticos foram descompensados por ondas vibratórias destruidoras, resultado da agressividade provinda dos impulsos nervosos, que nada mais são do que a verdade de cada um que está paralisada no campo astral e que se materializaram sob a forma de doenças – o corpo físico sofre com esta carga de ódio, raiva, inveja, solidão, etc. e é desta forma que o ser humano se destrói.

É necessário desintoxicar o organismo que está saturado pelas ondas vibratórias acumuladas pelo estado animal, compensando os campos que estão desequilibrados, provocando o equilíbrio e o reequilíbrio das faixas energéticas que estão descompensadas.

Mas a desmaterialização destas energias escravisadoras, se não for aplicada concomitantemente uma informação, um princípio espiritual, esta é uma cura desagradável e espiritualmente não representa nada!

A cura tem uma representatividade muito séria no campo do reconhecimento do amor divino! Curar é a arte de melhorar o estado do psiquismo.

É importante frisar que a Doutrina Espírita não foi codificada para realizar trabalhos de cura ou outros, mas, estes trabalhos foram criados para compreender e vivenciar a Doutrina. A finalidade do trabalho espiritual não é a cura; a espiritualidade usa o fenômeno da cura para oferecer o medicamento para revigorar a alma.

Se, para haver melhora na saúde o receituário indicado é o perdão, temos que trabalhar este ponto. Se reconciliar faz parte da eliminação dos nossos problemas somatizados, temos que dinamizar este campo.

A Fraternidade Espírita Allan Kardec, focada na base codificada pela Doutrina dos Espíritos, e trazendo como medicamento os ensinamentos do Mestre Jesus Cristo, tem como objetivo proporcionar meios, técnicas, estímulos para ajudar o desenvolvimento do potencial espiritual do ser humano, na busca de uma vida espiritualmente equilibrada!